13 de janeiro de 2018 às 02:00

Yehuda Amichai e Sophia de Mello Breyner Andresen sairão no Brasil

O poeta Yehuda Amichai (1924-2000), um dos grandes autores israelenses, ganhará sua primeira antologia no Brasil. A Bazar do Tempo assinou contrato nesta semana com a viúva do autor e vai publicá-lo no fim do ano.

O poeta Yehuda Amichai (1924-2000), um dos grandes autores israelenses, ganhará sua primeira antologia no Brasil. A Bazar do Tempo assinou contrato nesta semana com a viúva do autor e vai publicá-lo no fim do ano.

A exigência da herdeira era que a tradução fosse direta do hebraico. Quem vai verter o poeta para o português é Moacir Amâncio, professor do Departamento de Letras Orientais da USP.

As traduções de Amichai mais conhecidas no Brasil são as de Millôr Fernandes, feitas do inglês, mas publicadas em jornais e revistas.

Tanto mar Sophia de Mello Breyner Andresen (1919-2004), uma das maiores poetas portuguesas, terá sua obra poética completa publicada pela primeira vez no Brasil. A portuguesa Tinta da China, que também atua no país, acaba de fechar um acordo com os herdeiros da autora.

Tanto mar 2 A casa lusitana tentava há algum tempo publicar a poesia completa de Andresen no Brasil, mas precisava do aval da editora brasileira Companhia das Letras, que comprou os direitos no país para publicar uma antologia da autora.

Tanto mar 3 A edição da Companhia, organizada por Eucanaã Ferraz, segue de pé e sai em março.

Tanto mar 4 O novo livro de Ferraz, a propósito, também sai no segundo semestre lá e cá, pela Companhia e pela Tinta da China.

Erotismo Depois de organizar a "Antologia da Poesia Erótica Brasileira" (Ateliê), a professora e crítica literária Eliane Robert Moraes prepara uma antologia de contos eróticos nacionais para o selo literário do "Suplemento Pernambuco".

Erotismo 2 A seleção vai do século 19 até por volta de 1930, entrando pelo modernismo. Entre os autores canônicos já escolhidos, estão Álvares de Azevedo, Machado de Assis, Bernardo Guimarães. Entre os não canônicos, Afonso Arinos e Coelho Neto.

Erotismo 3 Dos dois últimos autores, Moraes destaca dois textos como achados, "A Esteirinha" e "Os Velhos", pelo componente macabro. "Ambos carregando nas tintas de um desvelamento dos corpos que se estende à profanação de cadáveres", diz.

Feminismo O selo feminista Rosa dos Ventos, relançado recentemente pela Record, está recuperando clássicos de seu catálogo. A casa vai publicar, em edição revista e ampliada, "Eunucos Pelo Reino de Deus".

Feminismo 2 A autora, a teóloga Uta Ranke-Heinemann, aborda a sexualidade feminina na Igreja Católica. A obra a fez perder sua cátedra na Universidade de Heidelberg.

Fonte: FOLHA

comentários

Estúdio Ao Vivo