09 de julho de 2018 às 06:55

Volkana retorna revigorada para show no Sesc Belenzinho

Marcelo Moreira

Volkana (FOTO: DIVULGAÇÃO)

A conversa surgiu após uma passagem de som do grupo Detonator e as Musas do Metal em uma casa noturna de São Paulo anos atrás. “Essa moça, Isa Nielsen, vai longe, toca muita guitarra. mas hoje tá fácil para ela, queria ver no tempo das Mercenárias e da Volkana…''

O técnico de som da mesa se referia aos anos desbravadores do metal nacional, lá em meados da década de 80, quando as bandas formadas por mulheres ainda eram raridade.

E não é que anos depois a mesma Isa Nielsen faria história ao integrar uma das bandas pioneiras do metal nacional, e ainda mais um ícone do rock feminino como a Volkana?

Ela é um dos destaques da formação mais recente do grupo. Quando a Volkana realizou um ensaio aberto ao público no início deste ano, havia deixado claro que, além de novas composições, os planos incluíam a comemoração do relançamento de “First'' em CD.

Agora a celebração se tornou realidade com o show do dia 28 de julho (sábado), a partir das 21h30, no SESC Belenzinho, em São Paulo.

“Estamos relançando esse trabalho para que a nova geração conheça a história do metal nacional. O álbum foi remixado e remasterizado e o som da Volkana se demonstrou atual e inovador mesmo depois de quase 30 anos'', destaca a vocalista Marielle Loyola.

Surgido em 1987 em Brasília, o grupo se tornou um dos grandes nomes do metal brasileiro após o lançamento de “First'' (1990), produzido pelo saudoso Carlos Eduardo Miranda.

“Quando a Marielle me convidou para remontarmos a Volkana, ela estava com a guitarrista Karen Ramos (ex-Nervosa) e precisávamos de mais uma guitarrista, uma baixista e de algum suporte, pois a banda sempre teve certa facilidade para arrumar patrocinadores. Assim, consegui através de Roberto Oka e da Moshi Moshi Records um apoio para realizarmos esta volta e, consequentemente, relançarmos 'First' em CD, pois no Brasil este formato ainda era inédito'', recordou o baterista Sergio Facci.

“Conseguimos um produtor, uma gravadora e faltava um local para ensaiarmos. Porém, através do High Five Studio, de São Paulo, fechamos o ciclo. Encontramos a guitarrista Isa Nielsen, que acabou trazendo a baixista Priscila Tiemi. Assim, a banda esta pronta para esta volta!'', acrescentou o baterista, que também integra o Vodu, pioneiro do metal brasileiro.

A formação atual, com Marielle Loyola (vocal), Isa Nielsen e Karen Ramos (guitarras), Priscila Tiemi (baixo) e Sergio Facci (bateria), apresentará no SESC Belenzinho um repertório com faixas dos álbuns “First'' (1990) e “Mindtrips'' (1994).

“Vamos relembrar uma época que não volta mais tocando músicas dos dois álbuns e alguns covers, sendo um deles a música 'Medo' do Cólera, grupo pioneiro do punk de São Paulo, que certamente o público vai curtir'', revelou Facci.

Serviço

O SESC Belenzinho fica na rua Padre Adelino, 1000, próximo ao Metrô Belém, em São Paulo. Informações sobre ingressos em https://m.sescsp.org.br/#/programacao/159213

Fonte: UOL

comentários

| ABROLHOS FM - A PRIMEIRA DA BAHIA!'); }
Estúdio Ao Vivo