05 de junho de 2018 às 12:02

Audi Q8 mostra a BMW e Mercedes-Benz como se faz um "SUV-cupê"; conheça

Estiloso e tecnológico, modelo é maior e mais espaçoso que seus rivais

A BMW criou e por muito tempo nadou de braçada no segmento de SUVs cupês com o X6. Somente em 2015 é que o modelo ganhou a companhia do Mercedes-Benz GLE Coupé. Agora é a vez de a Audi entrar na briga com o Q8. Mas parece que a demora valeu a pena.

O Q8 estreia nas ruas europeias no segundo semestre deste ano. Com 4,99 metros de comprimento, 2 metros de largura e 1,71 metro de altura, ele é mais largo, mais curto e mais baixo do que o Q7.

+ Novo VW Touareg parece Audi; aqui, só por encomenda
+ Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube
+ Instagram de UOL Carros
+ Siga UOL Carros no Twitter
+ Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe

Frente aos conterrâneos, ele também é maior do que o GLE Coupé e mais longo e mais baixo do que o X6. Sua distância entre-eixos é de 3 metros, maior que os 2,91 metros do GLE e os 2,93 metros do X6. Na prática, o Audi oferece mais espaço para quem viaja atrás.

O Q8 deve conquistar muitos corações pelo design. A grade hexagonal da Audi aparece em destaque na frente, emoldurada por uma peça prateada bastante pronunciada. O teto baixo e a linha de cintura alta reforçam a sensação de esportividade. As lanternas (que lembram o novo A7 Sportback) ocupam praticamente toda a traseira e trazem uma faixa preta, dando a impressão de que elas são mais estreitas e afiladas.

Por dentro, o Q8 lembra outros modelos da Audi. Há duas telas táteis (a inferior tem 10,1 polegadas e a traseira possui 8,6 polegadas), painel digital Virtual Cockpit de 12,3 polegadas, sistema de som Bang & Olufsen, ar-condicionado digital com quatro zonas de temperatura, entre outros itens.

Segurança também é uma preocupação da marca alemã; O Q8 traz piloto automático adaptativo com condução semiautônoma, alerta de mudança de faixa, câmera com visão de 360 graus, alerta de presença de veículos em cruzamentos. Futuramente será oferecido um sistema que estacionará o carro em garagens fechadas sem intervenção humana.

O SUV tem um diferencial central mecânico que distribui o torque em 40:60, sendo que o sistema pode enviar mais potência às rodas de trás quando necessário. Algumas características reforçam a habilidade do Q8 para encarar trechos fora-de-estrada, como os 25,4 cm de altura livre do solo, os bons ângulos de ataque e saída e o controle de velocidade em descidas. Opcionalmente, o carro pode vir com suspensão a ar adaptativa com controle de rigidez dos amortecedores.

O Q8 é um “híbrido leve”, ou seja, possui uma bateria de 48 volts que ajuda o motor a dar partida e economiza combustível. Inicialmente, o Q8 será vendido com duas motorizações 3.0 (55 TFSI a gasolina com 340 cv e 50 TDI a diesel com 286 cv). No ano que vem a Audi prepara o lançamento da versão 45 TDI, de 231 cv.

Ainda não há confirmação oficial de início das vendas do Q8 no Brasil. Entretanto, UOL Carros apurou que a marca pretende trazê-lo para o Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro, e realizar seu lançamento comercial no país logo após o evento.

Fonte: UOL

comentários

| ABROLHOS FM - A PRIMEIRA DA BAHIA!'); }
Estúdio Ao Vivo